Wes Anderson: 5 filmes fundamentais

by - agosto 10, 2020

Segunda terça-feira de agosto e sabe o que isso significa? Que nosso Artista de Cinema está de volta! Hoje trago cinco de seus grandes filmes, para conhecer a versatilidade de suas capacidades criativas.

wes-anderson
Wes Anderson
Para quem perdeu a introdução, este é Wes Anderson, um diretor que imprimiu uma marca específica no cinema norteamericano. Sua filmografia ainda não é extensa, provavelmente por precisar de um tempo de maturação das obras e de poder juntar seus colaboradores de sempre e da vida, como Owen Wilson, Roman Coppola e Jason Schwartzman. Vamos ver aqui cinco de seus incríveis e inusitados filmes. 

rushmore-film
Três é Demais - Rushmore (1998)
Max Fisher (Jason Schwartzman) é um aluno bolsista na escola preparatória Rushmore. Ele não vai bem nas matérias e talvez perca o ano, mas cumpre diversas atividades extracurriculares, o que lhe dá algum mérito. Neste meio tempo, ele conhece Herman Blume (Bill Murray) um magnata que atravessa uma depressão e Rosemary Cross (Olivia Williams), uma professora da escola. Além deles, há outro interessado em Rosemary, Dr. Peter Flynn (Luke Wilson). É nesse clima de disputa em uma escola que o filme se desenrola. Segundo longa de Anderson, com roteiro de Owen Wilson e do diretor, o filme ainda não tem aquela grandiosidade na direção de arte e figurino que marcará sua carreira, mas os diálogos e o desenvolvimento de personagens bastante particulares e interessantes se percebem aqui. O tom de comédia que marcará sua carreira também já se apresenta como algo estabelecido desde sempre, provavelmente um traço da personalidade do diretor e de seus amigos - dá vontade, inclusive, de fazer parte dessa turma. O filme está no Google Play e o trailer, aqui.

viagem-a-darjeeling
Viagem a Darjeeling (2007)
Um dos meus filmes preferidos, ele junta tudo o que é legal: é um filme de estrada (de trem, mas é), tem o roteiro e tudo de ótimo que nosso artista de cinema faz e junta esse trio maravilhoso, Adrien Brody, Owen Wilson e Jason Schwartzman. Aqui, eles são três irmãos que vão a Darjeeling, na Índia em uma viagem proposta por Francis (Wilson) para que voltem a ser também amigos, ao invés de irmãos afastados. Inteligente, mais uma vez com grande roteiro e personagens deliciosos, o filme é uma delícia de assistir, e nos deixa com o coração aquecido. Viagem a Darjeeling está no Google Play. Confira o trailer aqui. Há um bônus para quem vai assistir Darjeeling, o curta Hotel Chevalier conta um pouco a 'pré-história' de um dos personagens até o reencontro dos irmãos. Vem ver!

fantastico-sr-raposa
Fantástico Sr. Raposo (2009)
O Fantástico Sr. Raposo é a primeira animação a que Wes Anderson se propõe a fazer. Adaptação literária do livro homônimo de Roald Dahl, conta a história de uma família de raposas em que o pai (George Clooney), antes um orgulhoso ladrão de galinhas, se vê responsável e por pressão da esposa (Meryl Streep), larga o ofício e vira um bom jornalista que quase ninguém lê. Buscando melhorar de vida, retoma o velho hábito e coloca a família e um grupo de roedores em apuros. Mais uma vez, Jason Schwartzmann e Bill Murray retornam ao elenco junto com os já citados, somando-se ainda o próprio diretor e Willem Dafoe. Para quem já está familiarizado com o estilo do autor, é uma novidade gostosa ver a animação que se abre também para o público infantil. Uma grande obra sobre a natureza que nos compõe, companheirismo, família e senso de comunidade. O filme está no amazon prime e o trailer, aqui.

moonrise-kingdom
Moonrise Kingdom (2012)
Aqui, em termos de direção de arte e figurino, é uma imensa obra do diretor. Com elenco espetacular (Bill Murray, Jason Schwartzmann - risos - Bruce Willis, Frances McDormand, Tilda Swinton, Edward Norton e os jovens, Jared Gilman e Kara Hayward), em Moonrise Kingdom tudo acontece em um acampamento quando Sam (Gilman) se corresponde por carta com Suzy (Hayward) e decidem fugir juntos do local. O acampamento então se une para a busca e resgate dos dois. Um retorno à infância, aos filmes de ingenuidade e que vale para todas as idades. É realmente delicioso de assistir, com muitas peculiaridades e a fantasia de uma idade terna onde tudo é possível. Vale cada minuto. O filme está no amazon prime. O trailer, aqui e minha crítica também.

grand-hotel-budapest
Grande Hotel Budapeste (2014)
Outra grande obra do nosso já mais do que consagrado artista de cinema é Grande Hotel Budapeste. Com uma narrativa brilhante e novamente a marca registrada da direção de arte e figurino bastante particulares e caras a Wes Anderson, junte se a isso, o elenco (Jude Law, Tom Revolori, Edward Norton, Jason Schwartzman, Harvey Keitel, Bill Murray, Saoirse Ronan, Ralph Fiennes, Mathieu Amalric, Adrien Brody, Willem Defoe, Jeff Goldblum, Tilda Swinton, Tom Wilkinson, Lea Seydoux e mais) e o desenvolvimento de personagens. É impressionante como seus filmes são sempre ascendentes em qualidade e, mesmo os primeiros, já são muito bons. Zero (Revolori) era o 'lobby boy' do hotel em seus tempos áureos. Anos depois e hoje gerente do hotel decadente, ele encontra-se com um escritor (Wilkinson) e conta a sua história quando um grande concierge (Fiennes) era seu chefe. Não falo muito, deixo a crítica para decidirem. O filme está no telecine play, o trailer, como de costume, aqui.

Em 2018, Anderson lançou Ilha dos Cachorros, outra animação em stop motion e este ano sai The French Dispatch, para nosso deleite. Aproveita essa temporada e investe no diretor, porque vale muito a pena. Acompanhe nossos artistas de cinema todo mês. Doses de cafeína turbinadas com um pouquinho dos melhores nomes do cinema mundial.

Você também pode gostar

0 Comentários